Resenha: Mulheres Inteligentes, Relações Saudáveis / Augusto Cury

augusto cury  Em Mulheres Inteligentes – Relações Saudáveis, Augusto Cury apresenta uma fantástica análise sobre a mulher, suas emoções, reações, seus medos, anseios e desejos. O autor identifica quatorze tipos de mulheres, dentre as quais, analíticas, impulsivas, dependentes, autoritárias, trazendo o lado positivo e negativo de cada comportamento. 

“Que você olhe no espelho de sua mente.

E, se olhar, não tenha medo de se enxergar.

E, se enxergar, seja autônoma, reconheça seus defeitos.

E, se reconhecer, seja analítica, não se puna nem se diminua.

Esteja sempre pronta para recomeçar.

E, se recomeçar, se contemplativa, faça muito do pouco.

Desse modo, você se tornará autora da própria história.”

  Como sempre, Augusto Cury surpreende o leitor com suas análises sobre a mente humana, nesse caso a mente feminina.

  Nesse livro encontramos diversos conselhos para as mulheres, e no final de cada capítulo para homens também, que vão revolucionar o seu modo de ver o mundo e de viver. É relatado também diversos sentimentos negativos que existe na mente feminina, como o medo da perda, ciúme, padrões de beleza surreais, da ditadura do trabalho. E atitudes, como a crítica em excesso que podem amargar qualquer tipo de relação. Será que nos encaixamos em um desses sentimentos ou atitudes?

  Augusto Cury comprova que por meio da autoidentificação e reflexão, podemos deixar a culpa e a autopunição que nos aprisiona em nossas mentes de lado para vivermos intensamente o presente.

  Ele também cita as leis fundamentais das relações saudáveis, o poder do elogio, investimentos em sonhos, a arte de agradecer, de surpreender, de dialogar e de autodialogar. A partir desse tópicos aprendemos a transformar nossas atitudes para termos um relação saudável, não somente com quem amamos, mas uma relação saudável com o nosso EU. Afinal, se nós não nos amarmos primeiro, como vamos amar o próximo?

  Uma obra-prima que vai ensinar ao leitor que, simples atitudes podem transformar o seu modo de vida e ao do que o rodeiam.

“Que você possa escrever uma bela história de amor.

E, se escrever, não tenha medo de falhar.

E, se falhar, não tenha medo de chorar.

E se chorar, não tenha medo de suas lágrimas.

Repense sua vida, mas não desista.

Não cobre demais de si nem do outro.

Dê sempre uma nova chance para si mesma…”

Anúncios

6 comentários Adicione o seu

  1. viciolicito disse:

    …oi gostei da resenha, o livro parece bom…ótimo sábado…beijos…https://viciolicito.wordpress.com/

    Curtido por 1 pessoa

    1. Ana Elisa Lima disse:

      Oie!
      Muito obrigada!
      Realmente, Augusto Cury é o cara! Sempre recomendo.
      Um ótimo sábado pra você também! 🙂
      Bjos

      Curtido por 1 pessoa

  2. Gabriel Ferraz disse:

    Gostei muito da resenha, mas sou um pouco suspeito por adorar o Cury! Bom fds! Beijos

    Curtido por 1 pessoa

    1. Ana Elisa Lima disse:

      Oie!
      Obrigada, que bom que você curtiu! 🙂
      Também sou muuuuuuito suspeita, rs…
      Um bom fds pra você também mano!
      Bjos

      Curtir

  3. Rosane disse:

    O blog está lindo Ana, parabéns. Bjus

    Curtido por 1 pessoa

    1. Ana Elisa Lima disse:

      Oie Rô!
      Muito obrigada!
      Bjos 🙂

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s